As últimas atualizações do Windows 10 tem se tornado palco para muita discussão com relação à falhas e problemas pós-update.
Embora a maioria das atualizações sejam para corrigir falhas de segurança, parece que a cada novo update lançado, uma nova dificuldade, vulnerabilidade, falha de segurança, ou mesmo uma perda de desempenho geral do sistema é detectada pelos usuários.
Com a mais recente atualização de novembro, definida pela Microsoft como “pequena”, não foi diferente. Alguns usuários estão relatando que ela está inutilizando total ou parcialmente o Windows Explorer.
O Windows Explorer, é a aplicação do Windows 10 que permite a navegação por arquivos e diretórios armazenados no computador. Ele é essencial para o funcionamento do sistema como um todo.
Quando a Microsoft anunciou as novidades desta atualização de novembro, informou que as maiores mudanças seriam exatamente na navegação e busca do Windows Explorer, a fim de integrá-lo com arquivos hospedados no serviço em Nuvem OneDrive, além de enviar sugestões de arquivos com apenas algumas letras digitadas na barra de buscas.

Através do fórum de suporte à comunidade da Microsoft, muitas publicações relatam que a barra de busca acabou tornando-se inoperante e não responsiva. Nos relatos, ao acessar o mecanismo de busca, o usuário deverá esperar por um longo tempo até que ele demonstre qualquer ação e consiga exibir o cursor.
Pelo volume de reclamações, esse problema parece afetar muita gente, mas a Microsoft ainda não se pronunciou oficialmente.
Esse é mais um número a ser adicionado ao histórico negativo da companhia no que tange a atualizações do sistema: em março deste ano, a Microsoft lançou uma atualização que corrigia um excesso de demanda do disco rígido das máquinas (problema este decorrente da atualização anterior). No processo de acertar esse problema, porém, o update da época causava problemas nas conexões Wi-Fi dos usuários.
Nos resta apenas aguardar o pronunciamento da Microsoft e um próximo update para corrigir a anomalia no Windows Explorer.

Comentários

Comentários