Sem querer confundir a cabeça do leitor, mas já confundindo, parece que algumas coisas vão mudar nos padrões USB atuais. O USB Promoter Group, grupo composto por representantes da Apple, HP, Intel, Microsoft, Renenas Electronics, ST Microelectronics e Texas Instrumentos, acaba de divulgar algumas mudanças, fazendo com que o padrão USB v3.0 seja referido como USB v3.2 Gen1, assim como o padrão USB v3.1 passe a se chamar USB v3.2 Gen2.

E é neste momento que falamos sobre o padrão USB v3.2, que provavelmente deve chegar até o final de 2019. O novo padrão permite usar dois canais de alta velocidade no mesmo cabo, para uma capacidade máxima de transmissão de até 20Gbps, o que significa o dobro da capacidade do padrão USB v3.1 Gen2.

O formato e o padrão do conector, são separados do protocolo subjacente, embora eles frequentemente sejam desenvolvidos em conjunto (USB 3.2 Gen 2×2 precisa de um conector USB-C, por exemplo). Em outras palavras, nem todos plugues USB-C têm a mesma tecnologia USB por dentro, cabendo às fabricantes optar por diferentes velocidades e preços.

Mas e o padrão USB v4.0? Apesar de poucas informações a respeito, especula-se que a largura de banda dobrará novamente, para algo em torno de 40Gbps, oferecendo um  número de linhas em uma via, muito maior.

Outra informação interessante, é que a Intel está lançando o padrão Thunderbolt 3 como parte do protocolo USB v4.0, que permitirá utilizar o padrão por exemplo, em monitores 4K e outros dispositivos trafegando no mesmo cabo, sem a necessidade de um hub, algo que o USB nunca conseguiu fazer até então.

Isto trará mais versatilidade em termos de taxas de transferência de dados quando usados com múltiplos dispositivos. Embora Macs combinem Thunderbolt 3 e USB, a tecnologia é ainda relativamente rara em PCs e outros dispositivos.

Nas palavras do comunicado à imprensa, o USB v4.0 “define um método para compartilhar dinamicamente um link de alta velocidade com múltiplos dispositivos finais que melhor servem para a transferência de dados por tipo e aplicação” . Desta forma, múltiplos monitores externos e outros dispositivos como discos rígidos conectados em apenas um cabo ou uma cadeia de cabos será uma realidade.

Obviamente, o USB v4.0 será retro compatível com os padrões USB 2, USB 3 e Thunderbolt 3, porém com velocidade menor — seus dispositivos ainda conseguirão falar com hardware USB 4, a questão é que a velocidade vai ser menor.

As especificações completas do padrão USB v4.0 devem ser oficialmente publicadas a partir do segundo semestre de de 2019, à medida que dispositivos USB v3.2 começarem a ser disponibilizados no mercado).

Comentários

Comentários