Não é de hoje que já conhecemos a HP por fabricar impressoras, monitores, computadores do tipo desktop e notebooks.
Inclusive, seus periféricos como teclados e mouses.

Mas você sabia que a HP já a algum tempo, vem atuando no seguimento gamer?
A divisão da HP responsável pelo seguimento gamer se chama OMEN e hoje vamos fazer a análise do mouse OMEN 600.

O OMEN 600 é um mouse óptico cabeado. Concebido especialmente para o uso no cenário de eSports.

Seu design foi projetado para destros, possuindo um formato côncavo do lado esquerdo, rugosidades emborrachadas nas laterais, um corpo fabricado em plástico preto fosco e o logotipo OMEN na parte posterior.

O scrool também é produzido em plástico, porém em branco semitransparente, para evidenciar a iluminação Led RGB, juntamente com a iluminação no logotipo.

A iluminação possui 12 espectros de cores diferentes e dois tipos de efeitos. Infelizmente não há software de controle para personalizar as cores.

A escolha de cores e efeitos precisam ser modificadas pressionando os botões laterais juntamente com o botão de controle de DPI. Além de nada prático, é um pouco confuso e complicado no início.

O cabo USB é revestido em nylon trançado e o conector do Tipo-A é bem simples, sem nenhum tratamento especial.

Na parte de baixo temos um compartimento com três pesos removíveis. Embora existam cinco espaços para pesos, a fabricante decidiu incluir apenas três deles no OMEN 600.

Temos 6 botões programáveis, incluindo os botões laterais que também atuam como botão sniper, reduzindo o DPI para 400.

E falando em DPI este mouse utiliza um sensor Pixart PMW3360 e permite selecionar através de botões dedicados, níveis pré-definidos de DPI entre 400 de 1.200, identificados visualmente por diferentes cores da iluminação RGB.

O OMEN 600 é um mouse com foco em jogadores profissionais. Mas avaliando um pouco de perto, alguns detalhes não parecem se encaixar bem nesta proposta, exceto pela escolha do sensor.

O Scroll do mouse, fabricado em plástico, é excessivamente leve. Se o scroll fosse em metal, passaria uma melhor sensação táctil.

Além disso, mesmo com os três pesos, o OMEN 600 é leve demais. Não faz sentido algum a fabricante ter colocado apenas três pesos, sendo que o mouse suporta cinco.

Isto nos passa a impressão de um produto incompleto, ou que sofreu redução de custos.

Os pezinhos em teflon são pequenos e o conector USB poderia ser ao menos banhado a ouro.

Mas a maior mancada da HP fica mesmo pela maneira como alteramos a iluminação RGB. Apertar três botões simultaneamente para alterarmos entre as cores e efeitos de cor, é bastante desanimador.

O preço do OMEN 600 aqui no Brasil é um pouco maior do que no Estados Unidos, o que pode deixar você indeciso na hora da escolha.

O fato é que, se você procura um mouse super leve com um bom sensor e botões programáveis, este é uma boa recomendação para você.

Mas se curte mouses pesados e controle total da iluminação, DPI e demais funções por meio de software como na maioria dos mouses do mercado, definitivamente este não é o mouse certo para você.

O OMEN 600 inclui em sua embalagem um adesivo duplo, manual do usuário e folheto de garantia.

Pois bem… Se gostou deste mouse, acesse www.waz.com.br. A WAZ é o lugar certo para quem é fanático por tecnologia.

Comentários

Comentários