Os equipamentos para realidade virtual redimensionam a experiência de assistir a filmes e de jogar games, proporcionando uma experiência de imersão nessas mídias.

A qualidade das projeções tridimensionais em áudio e vídeo melhorou muito com o passar dos anos sendo que, atualmente, principalmente a partir dos Óculos Rift — o primeiro dispositivo desse tipo com preço acessível e funcionalidade satisfatória — esse mercado já se firmou como um novo paradigma para o audiovisual e para a indústria dos games.

Na indústria dos games, a utilização de realidade virtual deu um grande salto com o surgimento dos primeiros FPS (first person shooter), a exemplo do clássico Doom. Esse game teve sua primeira versão, publicada pela ID Software em 1993, originalmente para MS-DOS e ainda misturava gráficos 3D com personagens 2D.

A qualidade das imagens 3D desse game foi uma grande revolução para a época e já apontava um futuro para os games tridimensionais. Por outro lado, óculos de realidade virtual dessa época, como o Virtual Boy da Nintendo, um dos maiores fracassos da história da empresa, causavam enxaquecas e tinham uma qualidade muito abaixo do esperado.

Atualmente, os headsets de realidade virtual atendem, com qualidade impressionante, usuários de PC, smartphones, TV’s e notebooks. Continue a leitura e conheça 4 equipamentos para tornar a realidade virtual possível!

1. Óculos rift, um sonho para gamers hardcore

Com headphones 3D integrados, sensores externos e comando à distância, esse dispositivo é ideal para dar um upgrade em três dimensões no seu PC ou  Xbox One.

Contando com duas telas OLED com resolução full HD com taxa de atualização de 90 Hz, além de giroscópios precisos para posições da cabeça, trata-se de um produto revolucionário, pela qualidade até então inédita nesse campo.

2. Project Morfeus: a aposta em VR da Sony para o PS4

Lançado esse ano, o Playstation VR, cujo protótipo recebeu o nome de projeto Morfeus, em uma referência clara ao filme Matrix, tem configurações parecidas com o Rift: resolução de 1080p e 90º de ângulo.

Estima-se que 230 companhias já estão produzindo games para o PlayStation VR, sendo que já há em torno de 50 games no catálogo da Sony com suporte ao dispositivo, entre eles, o novo game de uma das franquias mais bem-sucedidas da Capcom, o Resident Evil 7, game do gênero survivor horror que promete ainda mais sustos aos jogadores no formato VR.

3. Samsung Gear VR para Smartphones

Com tela em Super Amoled, sensor de movimento preciso e campo amplo de visualização, o Samsung Gear VR é a aposta da empresa em realidade virtual. Com compatibilidade com os aparelhos mais robustos da linha Galaxy, o dispositivo pesa apenas 318 gramas e custa em torno de 800 reais.

Ideal para games das plataformas mobile, Netflix e outros conteúdos exclusivos, o gadget é uma boa pedida para quem quer imersão na experiência audiovisual com smartphones.

4. Novo headset da Google: Daydream View

Construído em microfibra e 30 por cento mais leve do que seus concorrentes, o headset da Google vem com um controle wireless e se conecta ao Android automaticamente.

O joystic serve para diversas funções de controle de experiência do usuário como apontar, desenhar, escrever. Custando algo em torno de 79 dólares, a plataforma já conta com dezenas de aplicativos otimizados à venda.

Viu como os equipamentos para realidade virtual fazem parte de um grande avanço nos dias atuais? Deixe seu comentário com sua opinião e dúvidas!

Comentários

Comentários