Atualmente os gameplays são responsáveis por criar grandes demandas de conteúdo, atrair a atenção de milhões de adeptos e, principalmente, por gerar numeroso tráfego no Youtube. Por isso, são uma das novas tendências do mundo dos games e parte importante da experiência de jogo de muitos usuários.

Esses vídeos – com duração média de 20 minutos – tem por objetivo mostrar como é um novo jogo, ensinar aos demais jogadores como passar de fases ou missões difíceis, revelar macetes e cheats ou apenas fazer com que os players interajam, através de chats ou comentários. Além disso, podem render uma boa grana, dependendo do número de visualizações de cada postagem e da frequência do canal em si.

Entretanto, engana-se quem acredita ser difícil criar um gameplay e colocá-lo na rede ou que é necessário um PC de última geração, com softwares extremamente sofisticados para desenvolver esse tipo de conteúdo. Por isso, neste post vamos ensinar como salvar os vídeos de seu gameplay no computador e compartilhá-los com o mundo todo.

Primeiros passos

Criar esse tipo de conteúdo não é difícil, mas requer algumas ferramentas, tempo e uma certa dose de paciência. Primeiramente, você precisará de um software de captura de vídeo. Atenção: alguns deles não capturam gravações de áudio de boa qualidade. O Fraps é o mais indicado e utilizado, devido a sua simplicidade de uso e facilidade de configuração. Mas WeGame e Taksi também são boas alternativas.

Você também terá que usar um programa de edição de vídeo para juntar e selecionar os melhores partes de suas gravações. Recomendamos o Sony Vegas (que é pago), porém você pode usar até mesmo o Windows Movie Maker – que vem instalado em todo PC Windows. Para vídeos mais elaborados, Adobe Premiere e Pinnacle Studios são pacotes profissionais.

Para rodar seu jogo e capturar frames simultaneamente você precisa de um PC com um bom processador e placa de vídeo. Além disso, seu HD terá que ter espaço para armazenar os vídeos criados e, dependendo da qualidade das imagens, os arquivos podem ser bem grandes.

pag fraps

Passo 1: Grave o vídeo

Para começar, encerre todos os programas em execução, para liberar a capacidade de processamento da sua máquina. Configure o software escolhido para capturar as imagens, prestando atenção na resolução e quantidade de captura de frames por segundo (FPS). Para referência: a resolução full HD é de 1920×1080. Para o frame rate, 30 é o número ideal, já que é o padrão do YouTube.

Agora com seu jogo e o programa rodando simultaneamente, mas em segundo plano, dê o comando para iniciar a captura das imagens – a tecla padrão é o F9 -, faça seus comentários, se quiser, mas lembre-se de habilitar essa função, e encerre apertando o mesmo botão para finalizar o trecho.

Se não for transmitir ao vivo, é uma boa ideia montar o vídeo em seções. Assim, se algo der errado, não é necessário refazer tudo.

Passo 2: Edite

Agora chegou sua vez de mostrar criatividade e fazer algo diferente para conquistar seguidores e views. Junte os arquivos salvos na pasta de destino das imagens capturadas, corte os erros ou partes indesejáveis e acrescente textos. Agora é com a sua criatividade!.

O seu projeto depois será “renderizado” pelo seu editor de vídeo Renderizarseu projeto é transformá-lo em um arquivo único de vídeo, que pode ser reproduzido em qualquer plataforma. Dependendo do tipo de extensão, seu vídeo pode perder qualidade de imagem ou ficar grande demais. Um dos padrões mais populares hoje é o mp4 com encoding H.264. Vale lembrar que esse processo é um tanto quanto demorado!

editg

Passo 3: Divulgação

Com seu produto finalizado e com qualidade aceitável – vídeos ruins ou mal feitos certamente queimarão seu filmena web -, você precisa definir onde hospedar seu conteúdo. A maioria dos produtores desse tipo de conteúdo opta pelo Youtube, mas também há o Xfire, GameCam e o Gamefront.com. Antes de divulgar, teste uma, duas, três vezes para pegar a prática e verificar como ficou o resultado final de seu produto.

Algumas dessas plataformas oferecem apoio e fóruns com essa finalidade para ajudar a resolver qualquer tipo de problema com os decodificadores de som e imagens – codecs – de seu vídeo. Há também o Machinima.com, uma rede de colaboração para conteúdos desse tipo, onde é possível fazer o upload e hospedar seu produto, além de interagir e apoiar, ou ser apoiado, por outros usuários.

A moda dos gameplays permite aos usuários compartilhar com amigos e com o mundo suas jogadas mais incríveis, perfeitas ou absurdas, ensinar outros a passar de fases críticas de jogos e até mesmo servem para divulgar novos jogos, atualizações e produtos interativos relacionados aos games. E ainda pode até render fama e dinheiro.

machinimia

Que tal entrar nessa também? Não se esqueça de deixar, nos comentários, o link para os seus vídeos e suas dicas para fazer um gameplay campeão!


Comentários

Comentários