O combustível está caro? Os preços não param de subir? Fique tranquilo! Em breve, os problemas desse tipo poderão acabar. Saiba que já stá sendo desenvolvido um carro movido somente a ar. Isso mesmo: AR.

Grátis. Inesgotável. Não poluente. O novo combustível tem tudo para revolucionar o mercado automobilístico. Ficou curioso? Neste post você vai descobrir como funcionam os carros movidos a ar e quais serão as vantagens deles para o uso cotidiano. Confira!

Motor Híbrido

Não, este novo veículo não terá um motor totalmente movido a ar. O projeto desenvolvido pela Citroen Peugeot criou um mecanismo híbrido. Ele pode funcionar de três maneiras: apenas com gasolina; com ar e gasolina combinados; ou somente a ar.

A estratégia é necessária porque o motor a ar ainda não tem força e potência suficientes para gerar energia em longas viagens, manter grandes acelerações e realizar trechos de subidas com qualidade. Por conta disso, o motor a base de combustão é imprescindível.  

Por outro lado, para ser utilizado nas cidades, planas de preferência, o veículo movido a ar terá grande importância, principalmente econômica. O motor híbrido será ativado automaticamente quando o automóvel estiver em velocidade abaixo de 70 quilômetros por hora – ou seja, cerca de 60 a 80% do tempo. Calcula-se que, dessa forma, poderá haver redução de até 80% do consumo de gasolina.

mot

Como funciona

A novidade desenvolvida pela Citroen Peugeot é baseada no modelo 208 – clique aqui para assistir ao vídeo demonstrativo – e mescla um motor normal de combustão com o novo sistema de ar comprimido. Com um dispositivo hidráulico especial e uma caixa de velocidade adaptável, os cilindros armazenam e comprimem o ar, liberando-o em forma de energia.  

Esse sistema de compressão de ar, que também reutiliza energia obtida durante a desaceleração e a frenagem do veículo, fica instalado na parte debaixo do automóvel, paralelo à tubulação do escapamento. Já o motor e a bomba de armazenamento de baixa pressão foram colocadas na parte traseira do carro, no lugar do pneu step.

Assim, o ar passa por uma bomba hidráulica que o envia para um pistão de alta pressão, onde fica acumulado juntamente com o nitrogênio. Quando o acelerador é acionado, esse cilindro libera o ar pressurizado e o fluído hidráulico faz o caminho inverso dentro da mesma bomba, que funciona como um motor, gerando energia para movimentar o veículo.

“Esse sistema é projetado para durar a vida útil do veículo”, afirma um dos engenheiros do projeto, Andres Yarce. Além disso, o novo motor dispensa o uso de bateria, que necessita de manutenção periódica e gera custos. Outro ponto positivo do protótipo é o sistema de inteligência artificial que reabastece automaticamente o mecanismo de ar, evitando o risco de o veículo parar durante o caminho.

Peugeot-Hybrid-Air-chassis

Lançamento

O motor movido a ar será lançado como um opcional na próxima linha dos carros da Citroen e da Peugeot na Europa. Até 2016 a novidade deverá chegar a outros mercados internacionais, como o brasileiro, caso o sucesso seja comprovado. Apesar de não divulgar valores, a empresa garante que o novo modelo custará o mesmo preço dos carros híbridos de gasolina existentes atualmente no mercado.

Caso seja realmente um sucesso, o novo motor tem tudo para revolucionar o mercado automobilístico e ajudar a conter a poluição mundial, uma vez que agride muito menos o meio ambiente, principalmente quando utilizado dentro das cidades, o que ocorre com maior frequência.

PSA Peugeot Citroen hybrid

O que achou você da novidade? Assista ao vídeo, deixe suas impressões nos comentários abaixo e compartilhe sua opinião conosco. Até a próxima!!!


Comentários

Comentários