Com o lançamento do PlayStation 4 agora em novembro, esse é inevitavelmente o último ano do PS3 como principal console da Sony. Contudo, com essa pegadinha que fizeram com os brasileiros no que toca ao preço absurdo em que o novo videogame chegará ao país, tudo indica que a maioria de nós ficará ainda um bom tempo no bom e velho Play 3.

Por isso, para que você desfrute ao máximo do seu console enquanto tenta juntar módicos quatro mil reais para adquirir o PS4, a WAZ fez uma lista com os cinco melhores jogos de PlayStation 3. São obras primas que você não pode deixar de jogar antes de passar para a próxima geração.

Então, sem mais delongas, vamos ao nosso Top 5!

5) Call of Duty: Modern Warfare 2

Muita gente torcia o nariz para os First Person Shooters (jogos de tiro em primeira pessoa), por serem games com história fraca ou apenas com o modo multiplayer como atração. A trilogia Modern Warfare, em especial o segundo jogo da saga, serviu para mudar esses conceitos.

Com um enredo que faz inveja a muitos filmes de ação, cheio de reviravoltas, traições e revelações, Modern Warfare 2 se destacou não só por sua engine gráfica inovadora para a época, mas por fazer com que o jogador se sentisse envolvido pela história e seus personagens. Não bastasse esse modo campanha digno de melhor roteiro, muitos especialistas e jogadores consideram seu modo multiplayer o melhor de todos os Call of Duty.


codmw2

4) Uncharted 2: Among Thieves

Uncharted 2: Among Thievesé um game de ação/aventura em terceira pessoa, desenvolvido pela Naughty Dog, também responsável por The Last of Us. O jogo é o segundo título da trilogia Uncharted, que pode ter continuação.

Você joga com Nathan Drake, um aventureiro inconsequente que parte em buscas dos grandes segredos e tesouros da humanidade, sempre justificando suas ações por conta de seu suposto parentesco com o renomado explorador Sir Francis Drake. Nathan está sempre acompanhado de seu mentor e melhor amigo, Sully e da teimosa jornalista Elena Fisher, sempre em seu encalço.

Uncharted 2 é indiscutivelmente o melhor jogo da franquia, contando com gráficos fantásticos, história intrigante e divertida, e perfeita jogabilidade para títulos do gênero. Não coincidentemente, faturou o prêmio de Jogo do Ano em 2009.

unch2

3) Batman: Arkham Asylum

Vários jogos de super-herois (para não dizer a maioria) acabam sendo grandes fiascos. Esse definitivamente não é o caso de Batman: Arkham Asylum. Com gráficos maravilhosos e uma história digna do Homem-Morcego, o game agrada tanto os fãs mais ardorosos das HQs quanto os jogadores que gostam dos gêneros ação/suspense.

Arkham Asylum tem os principais inimigos do Cavaleiro das Trevas, desde Coringa e Bane até Crocodilo e Espantalho. O sistema de lutas é bem completo, o que permite ao jogador desferir sequências longas e variadas de golpes. Se você se cansar só de encher os inimigos de pancada, pode tentar desvendar os vários enigmas espalhados pelos cenários, cortesia do Charada.

Batman: Arkham Asylum é um jogaço, assim como sua sequência, Arkham City. Não à toa foi eleito Jogo do Ano de 2010.

batmandaka

2) The Elder Scrolls V: Skyrim

Skyrim é o quinto jogo da famosa franquia de RPGs, The Elder Scrolls. De todos os títulos da saga, esse é de longe o que mais fez sucesso – inclusive sendo eleito Jogo do Ano de 2011. Tudo nele é épico e grandioso, desde os cenários gigantescos até a enorme variedade de personagens que você encontra pelo caminho.

O número de quests (aventuras) que você pode fazer é virtualmente infinito, uma vez que há no jogo um gerador automático de tarefas para o jogador se esbaldar durante o gameplay. Se você quiser completar somente as side quests principais e elevar seu personagem ao nível máximo, pode se preparar para gastar ao menos 400 horas. Isso compensa a história principal, que é um pouco “bobinha”.

Outro ponto forte do game é a imensidão dos seus cenários: Skyrim é simplesmente o jogo offline com o maior mapa já criado. São centenas de belas e detalhadas localidades a se descobrir e explorar, dentre cavernas, cidades, ilhas, montanhas e florestas. A trilha sonora também é linda, e ajuda a dar esse ar épico ao jogo.

Skyrim levou os RPGs a outro patamar e é obrigatório aos gamers fãs do gênero.

skyrim

 

1) The Last of Us

Se pegarmos apenas a sua premissa, The Last of Us parece só mais um jogo de zumbis em um mundo pós-apocalíptico. Um fungo que transforma as pessoas em seres agressivos e irracionais se espalha por todo o planeta, quase acabando com a raça humana e obrigando os sobreviventes a se virarem em uma nova Idade das Trevas.

No entanto, The Last of Us é muito mais do que isso. O caos que envolve a Terra serve na verdade de pano de fundo para a verdadeira história: a relação entre o protagonista Joel, um homem amargo e já nos seus 40 e tantos, e Ellie, uma carismática menina de 14 anos que tem como única realidade conhecida aquela em que o planeta se encontra atualmente. Com o desenrolar da história, o elo entre os dois vai se tornando mais forte, chegando a ser praticamente uma relação de pai e filha e, mesmo em um cenário que quase não dá esperanças ao jogador, você se vê alimentando uma perspectiva de dias melhores para a raça humana – e, sobretudo, para as personagens.

Os gráficos do jogo são sensacionais (os melhores da terceira geração do PlayStation) e a dublagem e o trabalho de captura de movimentos são dignos de Hollywood. A jogabilidade também é muito boa, e sua fluidez permite que as batalhas tanto contra os infectados quanto contra os humanos sejam cinematográficas.

Por esses e (vários) outros motivos, The Last of Us merece o primeiro lugar em nossa lista.

The-last-of-us

 

E aí, gostou da lista? Para você, faltou algum jogo? Deixe sua opinião nos comentários e não se esqueça: tudo sobre tecnologia você encontra aqui no WAZx!


Comentários

Comentários