O guia rápido para a limpeza do seu PC

Seu PC está imundo? Sua mãe/esposa/avó está te enchendo para dar uma geral na máquina? Tem tanta poeira no seu PC que ele já até mudou de cor? Sim, computadores sujam muito, principalmente se você divide ele com sua família ou amigos. Poeira, cabelos, gordura, tudo isso contribui para tornar a sua máquina o pesadelo das faxineiras. Mas hoje é seu dia de sorte, preparamos um guia completo sobre como limpar seu gabinete e deixar seu computador como novo.

Começando: Teclado

O teclado é definitivamente o periférico de seu computador que mais acumula sujeira, logo, precisa de uma atenção especial.  Para limpá-lo de verdade você irá precisar de: mini compressor de ar (ou secador de cabelo a frio); aspirador de pó com uma ponta pequena e fluido de limpeza, que você encontra facilmente nas lojas de computadores.

 Para começar, desligue seu computador e remova o teclado.

  1. Aplique o fluido de limpeza em uma toalha de papel ou flanela e gentilmente pressione e esfregue cada tecla. Aos poucos as gorduras e pequenas sujeiras que se acumulam nas teclas vão saindo.

  2. Pegue um cotonete e passe por entre as teclas, até que as gorduras laterais e pequenas sujeiras saiam (provavelmente você vai precisar de vários cotonetes!).

  3. Use um secador de cabelos para assoprar entre as teclas ou um aspirador de pó de bico fino para finalizar e deixar ele sem poeira.

  4. Pronto, o teclado está limpo! Vamos para o Mouse?

    teclado limpar pc

Limpando seu mouse

Atualmente a grande maioria dos mouses é óptica, e isto é bom. Lembra dos mouses com bolinhas embaixo, que acabavam virando um depósito de sujeira? O mouse óptico é muito mais simples de limpar. Vamos lá:

  1. Pegue uma flanela, umidifique-a com fluido de limpeza e esfregue a parte  superior do mouse até as gorduras e sujeirinhas sairem.

  2. Com a mesma flanela, limpe a lente do mouse, aquela pequena luz na parte inferior.

  3. Esfregue os apoios do mouse na mesa para garantir que não ficaram sujeiras expostas.

  4. Com um palito de dentes, limpe as juntas e o espaço entre os botões.

  5. Estamos prontos, vamos para o gabinete?

Limpando a parte interna do Gabinete

Esse é um pouco mais assustador de limpar, mas não tem muitos segredos. Antes de começar, lembre-se de desconectar todos os cabos, afinal você não quer correr o risco de tomar um choque, certo? Vamos começar:

  1. Desparafuse ou desencaixe as tampas do seu gabinete.

  2. Limpando as ventoinhas: Uma vez aberto seu gabinete, você vai ficar com vontade de usar um compressor de ar para remover toda a poeira, não é mesmo? Geralmente não é uma boa ideia. O compressor em alguns casos acaba “escondendo” a poeira mais a fundo no seu PC. Logo vamos ter que partir para uma abordagem diferente. A primeira coisa que faremos será retirar as ventoinhas. Desparafuse ou desencaixe a ventoinha do seu processador e da sua fonte. Faça anotações dos cabos que alimentam cada ventoinha e memorize a maneira como elas se encaixam, para não se perder na hora de remontar. Uma vez que as ventoinhas tenham sido removidas, aplique o jato de ar comprimido nas mesmas até que toda a poeira vá embora. Passe um cotonete com alcoól isopropílico nas hastes da ventoinha e estamos prontos! Lembre-se de fazer isso longe do gabinete aberto!

Um lembrete importante: o alcóol isopropílico não deve ser de maneira alguma substituído por álcool comum de farmácia! O alcóol isopropílico é apolar, evapora totalmente e não contém água. Isto o torna seguro para limpeza. O álcool etílico de farmácia contém uma parte de água e pode danificar seus componentes!

  1. Limpando as memórias RAM e placas adicionais: Remova com cuidado as placas de video, som, e memórias RAM dos seus respectivos slots. Geralmente as memórias são bem fáceis de serem removidas, com um encaixe estilo “cartucho de video game” e uma pequena trava. Já nas placas adicionais o encaixe geralmente é baseado em um parafuso externo, combinado com um encaixe estilo cartucho. Após removê-las, passe um aspirador de pó e uma borracha nos encaixes (slots) e assim remova toda a poeira.

  2. Reaplicando a pasta térmica: Você já removeu a ventoinha e o cooler do processador. Como ele já está exposto, é uma ótima ideia reaplicar a pasta térmica, para garantir a performance e a eficiência energética da máquina.  Para fazer isso, abra o encaixe do processador e remova-o cuidadosamente, segurando pelas laterais. Limpe a pasta térmica antiga que está sobre o processador usando papel toalha e álcool isopropílico (atenção de novo para não usar álcool etílico!). Feito isso, cubra toda a área cerâmica superior, utilizando uma camada bastante fina de pasta térmica. Uma pequena espátula é ideal para esta aplicação.

  3. Limpando a placa mãe: Existem 2 maneiras de se fazer isso: A fácil e a divertida. A primeira é simples, com todos os componentes removidos, você pode usar um compressor de ar para retirar toda a poeira. Neste caso, é importante que a placa mãe esteja fora do gabinete, para que a poeira não se acumule nos encaixes e parafusos. A segunda maneira é bem mais divertida. Confira se todos os componentes estão removidos (como baterias, cabos, etc). Tendo certeza que não há nada instalado na placa mãe, você pode mergulhá-la em um recipiente com álcool isopropílico. Não, eu não estou maluco! Você realmente pode mergulhar sua placa mãe em álcool isopropílico! Nunca é demais lembrar: Não confunda com o álcool etílico e isopropílico! Aguarde a evaporação (um secador de cabelos a frio acelera muito o processo. O secador quente pode danificar sua placa, não use de jeito nenhum!) e fixe a placa mãe novamente no gabinete.

  4. Reconecte todos os componentes removidos: Comece recolocando o processador em seu lugar, lembrando-se de se certificar que a trava está ok e o encaixe correto. Em seguida, é hora de voltar com cabos, memórias ram e placas adicionais. Por último, volte com o cooler e as ventoinhas.

  5. Estamos quase acabando a parte interna. Antes de fechar o gabinete, lembre-se de passar uma flanela com alcool isopropílico nas paredes internas do gabinete. Feito isso, pode parafusar ou encaixar a tampa, e estamos prontos para partir para o exterior do CPU.

rsz_1_limpando_pc 

Quase acabando! Limpando a parte externa do gabinete

Esta é a parte mais fácil, mas profundamente importante, afinal é isso que as pessoas vêem como sendo o computador em si. De nada adianta limpar por dentro e deixar o lado de fora imundo. Para limpar a parte externa, siga estas dicas:

  • Use um pano macio, ligeiramente umidificado e sem fiapos. Evite deixar excesso de umidade nas frestas.

  • Nunca utilize solventes ou abrasivos.

  • Se o gabinete estiver muito sujo, passe o pano com alcool isopropílico por todo o gabinete, para remover as principais sujeiras.

  • Nas dobras, parafusos e encaixes, utilize um cotonete ou um palito de dentes, assim você consegue remover sujeiras de lugares que a flanela não alcança.

Gran Finale – O Monitor

Desconecte o monitor da alimentação, da conexão ao computador e de qualquer outro dispositivo externo. Em seguida, use o pano que veio com o monitor ou outro pano seco e macio para remover a poeira da tela. Existem fluidos de limpeza especiais para limpeza de telas, e nós recomendamos que você compre um.

Se for efetuar uma limpeza adicional do gabinete do monitor, use um pano macio, levemente umedecido, sem fiapos. Evite deixar excesso de umidade nas frestas. Não utilize produtos de limpeza caseiros, aerossóis, solventes, álcool, amônia ou abrasivos para limpar a tela, pois isso pode danificar seu monitor.

Voilà! Seu computador está limpo, com cheirinho de novo. Quem sabe você não aproveita para fazer um backup e formatá-lo para deixar tudo como no dia que você o comprou? Boa sorte e boa limpeza!

Comentários

Comentários