E não é que deu certo?

A equipe WAZ investiu em xerox, impressões em A3 e adesivos para pregar nas camisas. Conversou muito com os coordenadores das áreas da Campus Party, colocou um telão com projeção no teto e fez visitas constantes às máquinas de cada participante das áreas de modding e games… E depois de três dias trabalhando, a WAZ conseguiu fazer sua parte para juntar muita gente em um protesto contra a proibição do Counter-Strike. Duvida?

Até John Maddog Hal está na passeata… É o velinho de barba branca no fundo à direita. Provavelmente ele entrou com o pessoal da liberdade e privacidade, porque acho que ele ainda não comprou na WAZ 😉

Todas as fotos são de Fernando Cavalcanti, e a primeira de Luis Yassuda. Vocês podem ver mais imagens da CP2008 nesse e muitos outros álbuns no Flickr.

Comentários

Comentários