A Cooler Master tem alguns produtos interessantes que estão sendo lançados na CES 2008, e até um site foi criado para dar maior destaque a eles.

O gabinete Cosmos ganhou uma versão chamada “S” (de Storm). De novidade temos um painel frontal todo “grelhado” e uma lateral com uma tela “grelhada”. A lateral vem acompanhada de uma ventoinha de 20cm e o gabinete em si é preto, ao contrário do Cosmos original que é prata.

Cooler Master Cosmos Storm

A linha de fontes Real Power Green ganhou novos modelos de 650W, 750W e 850W, enquanto que a linha Real Power Pro ganhou o modelo de 1.250W. Voltando a atenção para este modelo de 1.250W, podemos ver seis linhas de +12V, seis conectores PCI Express de 6 pinos, três de 8 pinos e certificação para os novos padrões ATX12V v2.3 e EPS12V v2.92.

 

Cooler Master Real Power Pro 1.250W

A Real Power 1.250W tem uma ventoinha de 13,5cm, eficiência que deve atingir no máximo 87%, PFC ativo (>0,99), temperatura de operação na faixa de 0 a 50º C e garantia de 5 anos.

A Cooler Master também lançou uma fonte com suporte ao ESA: a Real Power ESA 1.000W. Há um led que indica alguma irregularidade nas tensões, correntes, temperatura, cargas ou circuitos. Claro, ver se o led está acesso ou não é outros 500.

Cooler Master Real ESA 1.000W

A ESA 1.000W é certificada também para os novos padrões ATX12V (v2.3) e EPS12V (v2.92), tem uma eficiência na casa dos 85%, vem com quatro linhas de +12V e PFC ativo (>0,99). Interessante é a ventoinha de 12cm com controle PWM. 

Na refrigeração líquida temos o novo Aquagate Max. O usuário pode gerenciar este kit de várias maneiras, afinal, temos monitor de nível da água, indicador de fluxo de água, alarme multifunção e sensor de temperatura.

Cooler Master Aquagate Max

O block incluso tem base de cobre, o radiador de alumínio é duplo, vem com duas ventoinhas de 12cm e o kit composto pela a bomba de água Q-max (fluxo de 400 litros/hora) e reservatório ficam alojados em um gabinete que ocupa duas baias de 5,25″.

Na seção cooler podemos ver o gigante V10. Pelo tamanho, não é novidade ele não só refrigerar o processador, mas sim tudo em volta dele (como memória, circuito de energia, northbridge…). A base e os seis heatpipes são de cobre, as aletas de alumínio e segundo a Cooler Master, há duas entradas de ar para melhor refrigeração.

Cooler Master V10

Outra vantagem do V10 é auxiliar na refrigeração do gabinete, visto que devido ao seu design, o fluxo de ar é direcionado para a ventoinha traseira do gabinete.

O V8 por sua vez tem um duplo sistema de aletas que estão ligados à base de cobre através de 8 heatpipes. Assim como o V10, o V8 cria um túnel de ar para jogar o ar quente já na ventoinha traseira do gabinete.

Cooler Master V8

O Hyper 212 Deluxe utiliza um design do tipo torre, tem o dissipador, heatpipes e base todos em cobre e vem com duas ventoinhas de 12cm (também auxiliando na refrigeração do gabinete).

Cooler Master Hyper 212 Deluxe

Comentários

Comentários