No último trimestre de 2006, a expectativa da Microsoft era de uma explosão nas vendas do Windows Vista, previsto para ser lançado em Janeiro de 2007. Como ele demandaria muito mais memória do que o XP (2GB era o recomendado), os fabricantes de memória foram na onda: elevaram em quase 100% a produção de chips.

Resultado? O Vista não vendeu o quanto deveria, os upgrades de memória nao rolaram e os fabricantes com altos estoque se viram obrigados a baixar os preços: a velha lei da oferta vs. procura em ação novamente! O que se viu daí em diante foi uma queda contínua nos preços dos chips e módulos de memória RAM, especialmente as DDR2. Os fabricantes foram regulando a produção e “queimando” seus estoques… Mesmo assim a “praga” do Vista ainda não foi embora. A previsão era que no último trimestre de 2007 os preços das DDR2 iriam voltar aos patamares normais, ajudando assim os fabricantes a fecharem o ano com um prejuízo um pouco menor.

No entanto os preços continuam caindo, sem uma explicação aparente. Conversamos com os maiores fabricantes de módulos e todos foram unânimes em dizer que a qualquer hora os preços começarão a subir loucamente. Eles não entendem o porquê de preços tão baixos até agora, visto que estamos no final do ano – época de mercados aquecidos e consequente aumento nos preços.

E quem ganha com isso é você, consumidor. Com preços tão baixos assim, este é um ótimo momento para dar aquele upgrade de memória no seu Micro. Hoje 2GB virou o padrão para Gamers. Com os precinhos atuais, pular pra 4GB ficou fácil. Pra os home/office-users, 1GB é o ideal, mas já vale a pena pensar em 2GB.

Já se você quer memórias mais rápidas, então o preço se eleva também, mas não a patamares apavorantes visto que o desempenho ganho junto a seu sistema pode compensar: uma DDR2 de 800MHz como o kit TWIN2X2048-6400C4 da Corsair sai por menos de R$400.

[ Importante! ]

Vale lembrar que apesar de a maioria das placas mãe atuais suportarem pelo menos 4GB e geralmente 8GB de memória, os Sistemas Operacionais de 32bits não conseguem “utilizar” 4GB de memória RAM instalados. O Windows XP, por exemplo, gerencia algo em torno de 3,25GB, apesar da placa mãe identificar os 4GB. Mesmo assim, talvez valha a pena ficar com memória “sobrando” para serem usadas futuramente em um sistema de 64bits.

Saiba mais sobre o limite de 4GB nos sistemas:

Fique de olho na página da WAZ para aproveitar quando os novos preços de 1GB e 2GB DDR2 667 entrarem no ar.

Comentários

Comentários